Langaro e Petrus são bicampeões da Champions com o Barcelona

Décimo título da história dos catalães na competição vem apenas na disputa de tiros de sete metros após um empate emocionante no tempo normal e outro de tirar o fôlego na prorrogação

Por André Rossi em 19/06/2022 às 23:08:18

Os brasileiros Haniel Langaro e Thiagus Petrus conquistaram com o Barcelona o bicampeonato da Champions League de handebol masculino. O time espanhol foi campeão neste domingo (19) ao derrotar o Kielce, da Polônia, por 5 a 3 na disputa de sete metros da decisão do Final4, após um empate por 28 a 28 no tempo normal e de 32 a 32 na prorrogação. Langaro e Petrus fizeram um gol cada na partida, disputada em Colônia, na Alemanha. Foi o décimo título de campeão dos catalães na história do torneio. Um pouco antes, o alemão Kiel ficou com o terceiro lugar ao bater o húngaro Vészprem na prorrogação, por 37 a 35.



O Barcelona começou o jogo com força e tomou conta do placar. Abriu dois no 6 a 4 e manteve a distância entre dois e três gols sem maiores dificuldades, contando com mais uma boa atuação de Aleix Gómez e do francês Dika Mem. O goleiro do Kielce, o alemão Andreas Wolff, também foi destaque com pelo menos quatro boas defesas. Na reta final dos trinta minutos iniciais, porém, os poloneses reagiram e buscaram o empate no 12 a 12. O Barça foi para os vestiários à frente no placar, porém em um apertado 14 a 13. Haniel marcou o décimo do time, e Gómez fez seis, chegando a cem gols na temporada, marca que não era atingida na Champions desde a temporada 2016/2017.

Segundos finais

No segundo tempo o Kielce começou a tomar o controle do jogo nos primeiros dez minutos, saltando à frente e obrigado o Barcelona a responder. E assim foi até a reta final, quando os catalães saltaram à frente no 27 a 26 após marcar duas vezes seguidas, primeiro com Dika Mem e depois com outro francês, Timothey N"Guessan. Gómez fez mais um antes do apito final, mas o Kielce forçou a prorrogação com o bielorrusso Artsem Karalek, o MVP do Final4, balançando as redes a três segundos do estouro do relógio e empatando em 28 a 28.

Nos sete metros

Como não poderia deixar de ser, a tensão tomou conta do ginásio e o começo do tempo extra foi com muitos erros dos dois lados. Cada time marcou duas vezes em cada tempo, e o Kielce teve novamente a última bola, mas desta vez o espanhol Alex Dovichebaeva perdeu o disparo e o título teve de ser definido na disputa de sete metros. E foi apenas lá que a balança pendeu para Haniel Langaro, Thiagus Petrus e companhia marcando cinco vezes contra apenas três do Kielce, fechando o placar em 37 a 35 e conquistando pela décima vez a taça de campeão da Champions League de handebol.

Fonte: Olímpiadas Todo Dia

Comunicar erro

Comentários

Ks materiais