Da Editoria de Esportes

Os secretários Carlos Roberto Ramos (Cultura, Esportes e Recreação) e Rubens Quintiliano (Obras e Serviços Públicos) juntamente com os recém eleitos membros da diretoria do Mixto Bordô Futebol Clube, Claudiney Lopes Ferreira (Presidente) e Rafael Quintiliano (Diretor de Futebol) estiveram nesta terça-feira (13) em visita ao Complexo Esportivo do Minicentro que compreende o Estádio Péricles Pacheco da Silva e o ginásio de esportes.

A visita teve por objetivo uma total e ampla revitalização do Complexo para adapta-lo às necessidades do clube para disputar o Paranaense da Série A3 da Federação Paranaense de Futebol.

Reportagem completa neste domingo

Share This:

7 COMENTÁRIOS

  1. Vejo com alegria E muita saudade tal iniciativa pois quando quer fazer faz graças a esta gestão do Dr. Marcio .vou ficar na espera para que Você realidade, sa mesma forma como sempre torci pelo nosso futebol, como o MIXTO BORDÔ E O T.E.C.
    assinado: jogadores, o zeca do MIXTO BORDO E DO T.E.C.

  2. Grande iniciativa e vamos torcer muito para que o futebol profissional volte, assim como sempre torci pelo mixto bordo e pelo fev.

    Também ja vou pensar em montar aquela nossa torcida orgsnizada .

    Parabéns aos organizadores e só de Márcio.
    Assinado seca

  3. Parabens pelo o resgate do que estava sendo extinto pelos os nossos representantes municipal – TB/PR. Recordei de quando fui atleta e presidente do papel

  4. Resgatando o que estava sendo desvalorizado e extinto pela as Administração que passaram por ai, nossos nidademunicipes merecem respeito, somos carente em área de laser, reelembrei de quando fui atleta e presidente do papel esporte clube – klabin.
    Sucesso na iniciativa, vamos dar oportunidade para todos os nossos talentos, não só para um pequeno grupo.
    Junto somos mais.
    Dr. Márcio Prefeito.

  5. Parabens pelo o resgate doque estava sendo desvalorizado e em fase de extinção, pelas as administrações que por aí passaram, recordei dos bons tempo de nosso futebol, quando fui atleta e presidente do papel – klabin.
    Merecemos respeito, precisamos criar espaços de laser para todos, não sómente para um pequeno grupo, já que somos carente nessa área.
    Sussesso

DEIXE UMA RESPOSTA