Com a ajuda da Klabin, a Agência do Trabalhador de Imbaú conseguiu cumprir em seis meses a meta de preenchimento de vagas de trabalho prevista para todo o ano. A previsão é que, até o fim de 2017, a meta de preencher 128 vagas de trabalho seja dobrada. Cerca de 85% dos novos postos de trabalho serão ofertados pela Klabin, a maior parte para a área de Silvicultura.

Os dados foram apresentados em café da manhã realizado na Agência do Trabalhador de Imbaú, no fim de junho. No evento, que contou com a participação do prefeito Lauir de Oliveira e de empresários da região, também foi apresentado o Plano de Ação para Geração de Emprego e Renda, uma iniciativa que a Klabin apoia desde o ano passado. “Trabalhar para o desenvolvimento local faz parte da Política de Sustentabilidade da Klabin e a geração de empregos está diretamente ligada a isso”, comenta a especialista em Relações com a Comunidade da Klabin, Sabrina Bicca.

O estudo mostra o perfil dos trabalhadores de Imbaú e como poderiam, por meio de capacitação, atender as necessidades das empresas da cidade.

Perfil

O estudo exibido pela Agência do Trabalhador de Imbaú traçou um perfil populacional que reflete a força de trabalho do município. Dos homens, a maior parte está na faixa dos 20 aos 45 anos (80%) e possui o Ensino Fundamental incompleto. Com relação às mulheres, a maioria tem entre 20 e 45 anos (90%) e possui o Ensino Médio completo. A População Economicamente Ativa (PEA) do município é composta por aproximadamente 5 mil pessoas, dessas, pouco mais de 2 mil estão empregadas.

“A principal dificuldade para empregar é a falta de capacitação. Por isso reunimos representantes das empresas da região com a intenção de questioná-los sobre quais profissionais eles precisam, para então buscarmos alternativas de capacitação”, explica o gerente da Agência do Trabalhador e da Agência de Desenvolvimento de Imbaú, Cleber Antunes de Carvalho. Segundo ele, com a formação direcionada, as empresas da região poderão absorver a mão de obra ofertada pelo município.

Com o resultado da pesquisa que aborda as necessidades profissionais das empresas da região, é possível estabelecer parcerias com instituições como Senai, Senar, entre outras. Dessa forma, em breve, a Agência do Trabalhador poderá oferecer mais opções em qualificação.  “Hoje, uma pessoa que procura a Agência pode realizar algumas capacitações online, elaborar um currículo e manter suas informações em nosso banco de dados”, afirma Carvalho. “Cada vez que uma empresa abre vagas, como a Klabin, por exemplo, encaminhamos profissionais cadastrados para processos de seleção”, complementa o gerente da Agência do Trabalhador e da Agência de Desenvolvimento de Imbaú.

Serviço

A Agência do Trabalhador de Imbaú está localizada na Avenida Ivo Jangada, 267, Centro – telefone (42) 3278-1611.

Share This:

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA