Durante a semana do UFC 238, Henry Cejudo se vestiu de rei e prometeu que seria o maior colecionador de ouros da organização. Neste sábado, em Chicago (EUA), o campeão peso-mosca deu o primeiro passo para a grande meta ao vencer o brasileiro Marlon Moraes por nocaute técnico aos 4m58s do terceiro round e faturar o cinturão que estava vago do peso-galo (até 61kg) do Ultimate. Logo após a vitória, Cejudo, que agora se tornou o quarto lutador da história a ter dois títulos simultâneos da companhia, desafiou lutadores de outras categorias.

– Meu nome é “Triplo C”: campeão olímpico, campeão peso-mosca e agora campeão peso-galo do UFC. E vou me tornar o melhor peso-por-peso. Não duvidem de mim. Dana White, eu quero começar a ganhar salário de peso-pesado. E quero fazer desafios: quero Dominick Cruz, Cody Garbrandt, Urijah Faber. Quero lutar contra o campeão peso-pena. Quero ser o melhor do mundo – disse ele.

PUBLICIDADE_____________________________________________________________
Henry Cejudo nocauteou Marlon Moraes na luta principal do UFC 238 — Foto: Getty Images

Henry Cejudo nocauteou Marlon Moraes na luta principal do UFC 238 — Foto: Getty Images

Os rumores de que teria se lesionado durante a semana foram confirmados por Cejudo na entrevista pós-luta. O americano revelou que teve um problema no tornozelo, que durante o combate foi duramente castigado por chutes baixos do brasileiro. Após um duro primeiro round, o americano cresceu na luta e conquistou a vitória.

– Eu tive uma lesão bem feia no tornozelo, senti muita dor, mas não ia deixar de lutar. Duvidaram que eu não ia aguentar a pressão dos golpes da categoria, mas aí está a resposta. Eu sou o melhor de todos os tempos – disse ele.

loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here