Lewis Hamilton está preocupado que perderá mais pontos para Sebastian Vettel nas próximas corridas se ele e a Mercedes não conseguirem encontrar uma solução para suas recentes dificuldades com os pneus.

Hamilton marcou o seu pior resultado do ano no GP de Mônaco, após classificar em 13º e terminar em sétimo lugar. Seus problemas se originaram de uma dificuldade para manter todos os quatro pneus na janela de temperatura correta, especialmente na classificação onde ele estava visivelmente sem aderência traseira.

Embora o traçado de Mônaco seja diferente de qualquer outro circuito no calendário de Fórmula 1, ele tem algumas semelhanças com as próximas corridas no Canadá e no Azerbaijão. Todas as três pistas têm curvas de pouca potência e de curta duração e apresentam uma superfície de pista lisa.

Tais características não são favoráveis com o aumento da temperatura dos pneus e, se Hamilton teve dificuldades em Mônaco, há uma chance que também enfrente o mesmo nas próximas duas rodadas.

“Vindo aqui (para Mônaco), eu estava pensando que teríamos algumas corridas muito boas em pistas em que eu geralmente sou forte, mas esse problema com os pneus é um pouco desconhecida e vamos para a próxima corrida com os mesmos compostos”, disse Hamilton. “É apenas o ultra macio que tem sido um problema, então é realmente o que eu tenho que tentar entender com a equipe esta semana”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here