Uma mulher funcionaria de um correspondente bancário teria simulado um assalto para roubar a patrão na cidade de Socorro do Piauí, a 487 km ao Sul de Teresina.  Segundo informações do delegado Antônio Nilton, a mulher registrou um falso Boletim de Ocorrência na delegacia de Oeiras alegando que teria sido assaltada e os criminosos levado R$ 30 mil, mas as investigações apontaram que tudo não passava de uma farsa.

“A mulher fez o B.O e a polícia iniciou as investigação. Logo no dia seguinte ao registro da ocorrência nós conseguimos apurar que a mulher estava mentindo. Procuramos câmeras de segurança, e algum vestígio do suposto assalto, mas rapidamente percebemos a história foi forjada porque ela estava dando um desfalque no patrão no Caixa Aqui em Socorro do Piauí”, disse.

Ainda segundo o delegado, em depoimento a mulher teria confirmado a farsa. “Ela admitiu e nós já fizemos um relatório e encaminhamos para a cidade de Simplício Mendes. A suspeita assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e responderá em liberdade por Falsa Comunicação de Crime.

Delegado Antônio Nilton, titular da delegacia de Oeiras. (Foto: Patrícia Andrade/G1)
Delegado Antônio Nilton, titular da delegacia de Oeiras. (Foto: Patrícia Andrade/G1)

Share This:

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA