A briga por um lugar na decisão da Superliga B feminina de vôlei 2019 está em um momento de definição. Depois da primeira rodada das semifinais no último fim de semana, Flamengo (RJ) e Vôlei Valinhos (SP) estão a uma vitória da final, e, consequentemente, da elite nacional. O rubro-negro carioca recebe o Maringá/AmaVôlei (PR) na noite desta quinta-feira (04.04), às 19h, no ginásio da AABB da Lagoa, no Rio de Janeiro (RJ), com transmissão ao vivo do site GloboEsporte.com.

Após conseguir um bom resultado fora de casa, o Flamengo terá a chance de fechar a série melhor de três diante da própria torcida. E é justamente na força das arquibancadas que a ponteira Jéssica, da equipe carioca, acredita ser o trunfo para a conquista do acesso.

PUBLICIDADE_____________________________________________________________

“Estamos nos preparando para o jogo mais difícil da temporada, treinando forte e estudando o time adversário com bastante carinho. Sabemos que vai ser um jogo duro e teremos que estar 100% focadas. Contamos com o privilégio de jogar em casa e com a torcida a nosso favor, isso nos traz uma ansiedade maior, mas também uma segurança de que teremos apoio vindo de todos os lados. Sinto que estamos bem próximos de alcançar nosso objetivo principal, que é colocar o nome do Flamengo na elite do vôlei”, contou Jéssica.

A equipe de Maringá entrará em quadra precisando vencer por qualquer placar para manter as chances na competição. A central Lala, do time paranaense, sabe do tamanho da façanha, mas garante que o foco do elenco é manter-se na disputa.

“Temos que ter a cabeça boa neste momento. O primeiro jogo foi muito difícil e contra um adversário muito qualificado. Sabíamos da dificuldade que enfrentaríamos, só que também temos ciência que é uma série melhor de três jogos, e acho que temos a chance de reverter ainda essa situação, mesmo sendo uma tarefa bastante difícil. Vamos fazer o nosso melhor, acho que faltaram alguns detalhes, que já estamos corrigindo nos treinamentos. Acredito que todas estejam bastante focadas neste jogo, pois vale a nossa sobrevivência, e ninguém quer sair antes”, disse a central.

Em caso de vitória do Maringá, a terceira partida será no próximo sábado (06.04), no mesmo ginásio, às 20h. No outro confronto semifinal, entre Vôlei Valinhos e Bradesco Esportes (SP), a segunda rodada acontece nesta sexta-feira (05.04), no Pedro Ezequiel, em Valinhos (SP), às 21h.

SUPERLIGA B FEMININA

Semifinal

PRIMEIRA RODADA

30.03 (SÁBADO) – Bradesco Esportes (SP) 0 x 3 Vôlei Valinhos (SP), às 17h, em Osasco (SP) (12/25, 19/25 e 17/25)

30.03 (SÁBADO) – Maringá/Amavôlei (PR) 0 x 3 Flamengo (RJ), às 19h, em Maringá (PR) (21/25, 15/25 e 15/25)

SEGUNDA RODADA

04.04 (QUINTA-FEIRA) – Flamengo (RJ) x Maringá/Amavôlei (PR), às 19h, no Rio de Janeiro (RJ)

05.04 (SEXTA-FEIRA) – Vôlei Valinhos (SP) x Bradesco Esportes (SP), às 21h, em Valinhos (SP)

TERCEIRA RODADA (se necessário)

06.04 (SÁBADO) – Flamengo (RJ) x Maringá/Amavôlei (PR), às 20h, no Rio de Janeiro (RJ)

07.04 (DOMINGO) – Vôlei Valinhos (SP) x Bradesco Esportes (SP), às 18h, em Valinhos (SP)

loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here