Foram 12 dias de angústia até que o Corpo de Bombeiros confirmou a trágica notícia: Osmar de Ramos Batista, de 41 anos, morreu afogado no rio Tibagi. Ele trabalhava como caseiro em uma propriedade rural próximo ao Salto da Conceição, em Tibagi (região dos Campos Gerais) e não dava notícias desde 20 de agosto.

A Polícia Civil foi acionada e, depois de analisar o local onde ele foi visto pela última vez, chegou à conclusão de que ele havia caído no rio. Equipes de busca aquática do Corpo de Bombeiros foram acionadas e realizaram buscas durante todos os dias em diversas áreas, até que o corpo do caseiro foi encontrado no fim da tarde de sexta-feira (1º).

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Ponta Grossa e o laudo pericial irá confirmar a causa da morte. Um inquérito policial foi instaurado para apurar o caso.

arede.info

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here