Artigo: somos corruptos por natureza

86

Saímos as ruas protestar contra a corrupção, mas não seríamos nós igualmente corruptos?

renata001

Renatinha Galvani *

No último domingo (15/3), dia das manifestações por todo Brasil, pedindo o fim da corrupção, mas onde começa na verdade essa corrupção; será, que só os políticos são corruptos?
Ouvindo outro ponto de vista, do qual admito ter discordado, no inicio, porém, parei para refletir, e concordando ao final. Não seriamos nós, os maiores corruptos de nossas próprias “causas”?
Bem, deixe-me explicar: Ninguém nasce, cresce, se torna político e se “faz” corrupto da noite pro dia.
Somos corruptos por natureza, corrompemos nossos filhos com o: “se você, for bem no colégio, te dou isto ou aquilo”, mas no entanto não procuramos saber à fundo como e ele se saiu bem no colégio. Se colou na prova? Se pagou pra que outro fizesse o trabalho por ele? Se deixou que o grupo fizesse o trabalho sem se preocupar com nada, ou se realmente estudou?

Sempre que induzimos alguém à fazer algo, em troca de dinheiro ou favores, estamos corrompendo esta pessoa, assim como somos corruptos ao aceitarmos sermos corrompidos. Quando agimos com o famoso “jeitinho brasileiro” somos corruptos; e quando elegemos alguém que temos conhecimento que age dessa forma; como por exemplo: compra de votos, troca de favores, somos responsáveis pela corrupção.renata002

Faça o teste e descubra: você é corrupto?

É claro que não estou dizendo que somos responsáveis por tudo que está acontecendo, e que devemos ficar em casa, sentados sem fazer nada. Entretanto é desde criança que temos que ensinar, que pequenas ações, são pequenas corrupções, e que isso também é errado; e que não devem ser menosprezadas, por menores que sejam, pois isso é um ciclo vicioso; não é porque o que eu faço hoje, não prejudica ninguém, que deixa de ser errado, ou corrupto.
Sugiro que paremos de olhar para a corrupção, apenas como desfalques e ou roubos milionários, que afetam diretamente nossos bolsos e qualidade de vida, mas que tenhamos em mente que precisamos nos policiarmos, dia após dia, para acabar com essa praga que se instala entre nós, mesmo antes de aprendermos o que é corrupção.

Leia também:

ARTIGO: O Brasil de hoje, nova Cuba amanhã?

Artigo: Conveniências do amor moderno

[author title=”Papo Sério- Renatinha Galvani” image=”https://lh3.googleusercontent.com/proxy/8dR0jfDygoIIHjwE_ZSRJwwuKW7S7ueO1ehiu1EJT_KYRZx8tTyuQHRQb735xTCSM1P798plw0u7yYhqVawsAANSfT525SX_1P0Yl6Sb2WyZbNqBupxjBIufpbB0y-bmsmjRRSNXAEnIfOTW7LDYvyyC=w346-h333-p”] Renata Galvani Pelincer, 28 anos, braço direito da mãe Madalena Galvani, empresária de um hotel. Formada em Técnico em administração e técnico em secretariado. É dona de uma personalidade marcante. Politizada, vê com apreensão a atual situação política brasileira, opina sobre comportamento, relações e o cotidiano. Escreve todas as sexta feiras [/author]

Veja tambem:
http://www.educacional.com.br/reportagens/corrupcao/origemecusto.asp

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here